29 de nov de 2017

A FELICIDADE NÃO ESTÁ CONDICIONADA A NADA MESMO.

Não espere obter resultados prósperos para então ser feliz. Só é possível obter resultados verdadeiramente prósperos sendo verdadeiramente feliz primeiro.

Acione primeiro o estado de felicidade em seus sentimentos, controlando as emoções através da meditação.

Pessoas infelizes e ansiosas tendem a trabalhar duro, porque acreditam que precisam comprar a felicidade adquirindo coisas. Também queles levados a acreditar que para atingir o estado de felicidade carece de servir a outros tendem a limitar-se à alegria contemplativa ao atingir o resultado, que na verdade, é um propósito de sua doutrina. A alegria é acionada por resultados observáveis externamente. A felicidade só pode ser acionada a partir do eu autêntico de cada pessoa. Mas pode-se observar a beleza, a alegria e a felicidade das cosias e depois transferir esses elementos para dentro de si mesmo (o eu autêntico) e usá-los como motivação para acionar seu próprio estado de felicidade.

É necessário servir a outros para ser feliz?

Não.

É necessário trabalhar para ser feliz?

Não.

É necessário ser ou sentir-se útil para ser feliz?

Não.

É necessário fazer outras pessoas felizes para ser feliz?

Não.

Em fim, acionar ou atingir um estado de felicidade verdadeiro está condicionado a alguma ação ou compromisso?

Não.

Tudo isso é cem por cento falso, e algumas dessas ideologias podem apenas levar a um estado de alegria contemplativa ou euforia contemplativa.

Acionar e atingir um estado de felicidade é independente de quaisquer idéias ou compromissos.

Afinal, não é possível mesmo atingir qualquer resultado feliz sem estar feliz primeiro.

27 de nov de 2017

AS INFORMAÇÕES SÃO ATRAÍDAS PARA O PONTO ONDE AS EMOÇÕES SÃO SENTIDAS

Tudo é informações; você é informações, eu sou informações, as ruas, os mares, as árvores, as pedras, o vento, o espaço, enfim, tudo no Universo é constituído de  informações.
E toda informação é magneticamente atraída para os "reatores de emoções" de acordo com as emoções sentidas.

Cada ser vivo eu um reator de emoções, mas também corpos, aparentemente sem vida como, pedras, água, ou outras substâncias e, até mesmo, partículas atômicas são reatores não conscientes, que atraem informações de acordo com suas caraterísticas e constituição.

As informações não são conscientes, é claro, são apenas a conjuntura de elementos dispersos na vastidão do Universo e que seguem um fluxo constante, cujo movimento, reage e "escoa" de acordo com a vibração de ondas magnéticas geradas pelos reatores, seja em escala subatômica ou macro; biológicos ou não biológicos.

Os elementos químicos não têm a capacidade de desenvolver sentidos, por isso, não são capazes de emitir ondas magnéticas emocionais, ou conscientes, mas emitem ondas de energia, que são formadas de informações.

Os reatores biológicos, seres vivos, têm a capacidade de gerar e controlar conscientemente essa energia magnética a partir de suas emoções.

Foi observando o comportamento das pessoas e percebendo que suas emoções eram capazes, de inconscientemente e silenciosamente, influenciar minhas próprias emoções, tanto para motivar-me como para desmotivar-me.

Percebendo esse poder de influência que as pessoas tinham sobre o meu comportamento e minhas emoções, dediquei-me a estudar e testar conscientemente o potencial de influência que as minhas próprias emoções eram capazes de atingir sobre o comportamento das outras pessoas.

Descoberta incrível! Não só podemos ser capazes de influenciar o sentimento e o comportamento de outras pessoa, como podemos fazer isso conscientemente, estejam elas visíveis à nossa volta ou à distâncias, como em outro país (não á limite de distância). Podemos fazer isso em silêncio, sem uso de gestos ou qualquer tecnologia. Isso é simplesmente telepatia.

Posso fazer essa afirmação, porque é resultado de experiências pessoais, realizadas durante apresentações artísticas nas ruas (arte nas ruas, mais especificamente estátua-viva e vitrine-viva).
Exatamente, essas atividades me revelaram o potencial de influenciar conscientemente os sentimentos de outras pessoas.

Imagine você saber que alguém que você conhece está passando por um momento triste e está demasiadamente desmotivada, e aí você sabe que pode - à distancia e em silêncio - mudar os sentimentos reativando o ânimo dela.

Imagine estar no congestionamento do trânsito e aí você observa as pessoas e vê que elas estão todas muito mau humoradas e rancorosas, e aí você sabe que pode mudar o comportamento de todas essas pessoas e às torná-las felizes, sem que elas se quer saibam que alguém está fazendo isso por elas.

Não importa quantas pessoas estejam presentes num certo local, é possível influenciar as emoções de todas elas. Na verdade, quanto mais pessoas nossas intenções estiverem direcionadas, maior é o efeito dessa influência, porque cada pessoa influenciada também segue influenciando outras.

Sabe aquela pessoa mau-agourente que por onde passa desanima todos, deixando muita energia negativa no ambiente.

Pois é, também existem as pessoas "iluminadas", que irradiam felicidade por onde passam.

Mas imagina então, que podemos fazer isso tudo conscientemente, e melhor ainda, em escala macro.


Voltando o assunto para o aspecto pessoal, as informações vêm ao nosso encontro de acordo com as emoções sentidas, se você estiver feliz, informações dessa natureza serão atraídas para sua vida.
Para que essas informações possam ser atraídas uma energia magnética de mesma frequência deve ser emitida por seus sentimentos. E é a partir dessa emissão de energia que influenciamos outras pessoas, interferindo em suas emoções. Se estamos felizes induzimos as informações do ambiente ao nosso redor ou para onde estiverem focadas nossas intenções, a se comportarem como informações de felicidade, ou se não podermos mudar, afastamos as informações opostas.
Se fizermos isso conscientemente, ao influenciarmos outras pessoas, elas acabam por influenciar outras inconscientemente, e essa reação em cadeia pode seguir atingindo várias outras pessoas.